Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Dependentes

A inclusão de dependentes legais é feita sem qualquer acréscimo na contribuição mensal do beneficiário principal  - contudo, é preciso encaminhar a solicitação ao IPE Saúde.  Confira as informações abaixo.

Ao completar 18 anos, filhos(as) perdem a condição de dependentes do IPE Saúde.
Caso o(a) filho(a) esteja estudando, encaminhe a solicitação para que ele/ela permaneça como dependente - veja o item "Dependente Estudante" logo abaixo. 

Se não for estudante, eles devem ser inscritos no Plano de Assistência Médica Complementar (PAC) - veja mais informações neste link.

Estas orientações são válidas também para enteados(as)/tutelados(as)/menores sob guarda.

A inclusão de netos(as) deve ser levada a efeito em até 90  dias contados do seu nascimento, na modalidade do Plano de Assistência Médica Complementar (PAC) - clique para ter as informações.

Filhos/enteados de segurados com idade entre 18 e 24 anos incompletos podem ser dependentes do IPE Saúde, mas precisam realizar a renovação semestral para garantir a manutenção do benefício.  Para isso, é necessário que sejam solteiros e sem união estável. O benefício estende-se para o tutelado e o menor sob guarda, nas mesmas condições, desde que comprovada dependência econômica do segurado. 

Para a PRIMEIRA VEZ que for feita a habilitação, é preciso encaminhar o pedido junto ao IPE Saúde  - veja aqui como fazer.

Depois que o estudante está habilitado, o titular deve fazer a RENOVAÇÃO SEMESTRAL de seu dependente de forma online, diretamente no site, clicando aqui.

Os períodos considerados como semestres letivos, vigência da renovação e prazos para realização são os seguintes:

SEMESTRE LETIVO VIGÊNCIA PERÍODO PARA RENOVAÇÃO
1º semestre 01/02 a 31/08

Início: primeiro dia de vigência, ou seja, no dia 01/02.

Término: último dia da vigência, ou seja, no dia 31/08.

2º semestre 01/08 a 31/03 do ano seguinte

Início: primeiro dia de vigência, ou seja, no dia 01/08.

Término: último dia da vigência, ou seja, no dia 31/03 do ano seguinte.


O dependente que não realizar a renovação até o prazo final da vigência do semestre (31/03 ou 31/08) ficará com o acesso ao IPE Saúde suspenso até que regularize sua situação.

 Veja dúvidas frequentes sobre o assunto clicando aqui.

Confira as informações na página específica sobre o assunto, clicando aqui.

O desligamento de dependentes ocorre a partir da solicitação do titular em determinadas situações. Cada caso requer uma análise específica. Para receber as devidas orientações, preencha o formulário de solicitações diversas, com seus dados e a descrição da sua solicitação, neste link.

Atenção: caso o dependente seja PAC, o cancelamento deve ser solicitado por este link.

No caso de falecimento de dependentes, por exemplo, a orientação é que o óbito do usuário seja comunicado através do formulário digital deste link.

Em caso de falecimento de titular do IPE Saúde, os dependentes ativos (inclusive Dependentes PAC) são automaticamente desligados. Contudo, aqueles que forem aptos a se habilitar para o recebimento do benefício de pensão por morte pelo IPE Prev (exceto os Dependentes PAC) ficam com o IPE Saúde ativo por 90 dias após a data do óbito do segurado. Veja as orientações sobre cada caso neste link.

Vejas as principais dúvidas sobre o assunto clicando aqui. 

IPE Saúde